Você sabe como fazer um follow-up eficiente?

Manter e nutrir contato com clientes, potenciais ou não, é uma habilidade que requer atenção e cuidados para render bons resultados – ainda mais por e-mail.

Já ficou esperando uma resposta que você tanto precisava e não vinha? Pois é, qualquer tipo de troca de informações pressupõe ao menos algum tipo de resposta e esse retorno sempre envolve algum grau de expectativa e disponibilidade. Portanto, é  inegável que essa dinâmica envolve também algum grau adicional de tensão quando o assunto é profissional. Quem precisa fazer follow-up de vendas com clientes adiciona a isso o desafio de não incomodar pela insistência. Mesmo que você não trabalhe com vendas, trocas de mensagens com clientes em geral podem ganhar em relevância e eficácia com algumas estratégias simples. Até porque não é raro os departamentos de uma mesma empresa se tratarem como clientes.

Os emails no celular

Desde o surgimento dos aplicativos de chat para celular, com seu caráter mais próximo e de urgência, os e-mails passaram a funcionar como um passo além de formalidade e isso requer alguns cuidados. Em um blog desenvolvido pela languagePRO este assunto foi abordado (em inglês):

As boas maneiras e normas gerais de bom senso no uso da Intenet de maneira amigável e eficiente

Redigir e-mails profissionais que gerem uma boa impressão e despertem a simpatia do seu leitor para com o conteúdo do seu contato exige domínio da netiqueta – além de atenção a grafias e concordâncias, quando você precisa colocar em prática o que aprendeu nas suas aulas de inglês. Neste blog da languagePRO,  você terá dicas interessantes para redigir um email:

Heather R. Morgan, fundadora da SalesFolk, empresa que produz templates customizados de e-mails para vendas B2B, destaca seis dicas para se fazer bons follow-ups. Ela defende a importância da persistência, sem incorrer em perturbação, menos ainda em repulsa. Segundo ela, é importante seguir os passos abaixo no texto do seu e-mail (em inglês).

Vamos ao resumo das dicas do artigo:

  1. Lembre a conversa anterior com clareza, de forma casual para seu cliente entender quem é você – e aqui cabe seu marketing pessoal – e de onde parte seu novo contato. Cite detalhes específicos sobre o que se concluiu na conversa anterior e eventuais acordos prévios.
  2. Traga informações novas e atraentes, use algum conteúdo útil como gancho, conte uma história divertida ou faça uma pergunta inteligente. Instigue o interesse do seu leitor com uma atualização do assunto que implique numa resposta dele.
  3. Seja breve, objetivo, mas amigável. Quando for o caso, você se lembra das suas aulas de inglês sobre expressões mais adequadas para demonstrar educação e simpatia por escrito? Pense em algo com três a cinco frases curtas, talvez menos. Caso o cliente responda, você pode entrar em mais detalhes.
  4. Inclua uma frase que fisgue atenção. O objetivo específico do e-mail precisa estar claro, senão seu contato pode pular direto para a próxima mensagem na caixa de entrada dele.
  5. Um e-mail só não basta. Mesmo se não vier resposta para o seu primeiro contato, um segundo e-mail tem 21% de chance de ser lido, o que para Morgan prova que a persistência compensa.
  6. Caso seu potencial cliente não responda, convém enviar um e-mail de despedida, deixando claro já no assunto e no corpo da mensagem que aquela será sua última tentativa de acioná-lo. Quando as pessoas entendem que têm uma última chance de conseguir algo, ficam mais interessadas.

Vale também você conferir o que Ben Hindman, profissional de marketing de eventos, confidencia sobre sua estratégia de engajamento via follow-up neste vídeo do youtube:

#followup #email #marketing #sales #english #englishclasses #vendas # #inglês #aulasdeinglês #languagepro

languagePRO há 30 anos desenvolve cursos de idiomas para empresas e profissionais.                                  Ensinamos inglês, espanhol, francês, alemão, italiano e português para estrangeiros.                                                  Nossa missão é oferecer a nossos clientes uma experiência única de aprendizagem, com cursos personalizados, inovadores e ajustados aos seus interesses; apoiados recursos tecnológicos, total flexibilidade e suporte integral

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Scroll Up