A língua portuguesa é complexa e muitas vezes é utilizada de forma errada.

É frequente ouvirmos as expressões:

  • Eu vou estar fazendo um relatório ( correto: Eu farei um relatório ou Eu vou fazer um relatório)
  • Eu vou estar transferindo a ligação  (correto: Eu vou transferir a ligação)
  • Vou estar te telefonando assim que ele chegar (correto: Te telefonarei assim que ele chegar)
  • Vou estar enviando os seus documentos para o departamento depois de tirar todas as cópias. (correto: Enviarei os seus documentos para o departamento depois de tirar todas as cópias)

Esta construção se chama Gerundismo e é um uso inadequado do gerúndio, um vício de linguagem. É o que acontece quando no lugar de um verbo no futuro usa-se o gerúndio. Isso faz com que, de forma incorreta, um verbo seja apresentado com a ideia de continuidade.

Gerúndio 

gerúndio é uma forma nominal do verbo É ele que indica continuidade de uma ação.

Exemplos:

  • Eu estou  escrevendo sobre as diferenças entre o uso do gerúndio e gerundismo,
  • Você estava viajando quando ela me visitou.
  • Estou anotando as observações sobre a pauta da reunião.

No entanto, há formas de utilizar o gerúndio que estão corretas, apesar de serem confundidas pelo fato de se assemelhar ao gerundismo. São aquelas que mostram o desenvolvimento de uma ação em simultâneo com outra.

Exemplos:

  • Quando ele chegar no escritório  vou estar trabalhando.
  • Vou estar preparando nosso jantar enquanto você estiver na academia

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Scroll Up